Curso Online Aberto e Massivo (MOOC) de Combate a Princípios de Incêndio: uma Entrega do Corpo de Bombeiros Militar do ES para a Sociedade

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18264/eadf.v12i2.1865

Resumo

Em ocorrências de incêndios atendidas pelos Corpos de Bombeiros, observa-se que, em diversos casos, os sinistros poderiam ter sido evitados, ou pelo menos minimizados, se cidadãos envolvidos no cenário possuíssem conhecimentos básicos de como se origina um incêndio, métodos de extinção e uso de extintores. Os serviços prestados pelos bombeiros demandam alto desenvolvimento em qualificação acadêmica e técnica desses profissionais, por isso, a capacitação é sempre direcionada para o público interno. O desafio nesse contexto é pensar em capacitações que sejam disponibilizadas pelos Corpos de Bombeiros, as instituições que possuem o conhecimento prático, e que tenham alcance à população. Ferramentas como os Cursos Online Abertos e Massivos (MOOCs) se apresentam como alternativas viáveis para a disseminação do conhecimento. O objetivo dessa pesquisa foi avaliar os resultados da disponibilização de conteúdo para a população em geral, por meio de um MOOC em um ambiente virtual de aprendizagem gratuito, visando orientar pessoas interessadas a compreender sobre conceitos básicos de combate a princípios de incêndios. Para tanto, foi utilizada a plataforma Moodle nesse desenvolvimento, sendo o ambiente que concentrou os recursos digitais produzidos. Após o fechamento da turma e de posse das respostas dos questionários dos alunos, foi realizada uma análise estatística constatando que o curso contribuiu positivamente para o ensino das pessoas e, mais do que isso, evidenciou que os Corpos de Bombeiros, além de capacitar seus próprios servidores, podem ser responsáveis por disponibilizar mais conteúdos educativos para a população em geral, auxiliando na proteção e prevenção da sociedade.  

 

Palavras-chave: Educação a distância. MOOC. Bombeiros. Incêndio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, L. Educação a distância: conceitos e história no brasil e no mundo. Revista Brasileira de Aprendizagem Aberta e A Distância, [S.L.], v. 10, p. 83-92, 24 maio 2011. ABED - Associação Brasileira de Educação a Distância.

BATURAY, M. H. An Overview of the World of MOOCs. Procedia - Social And Behavioral Sciences, [S.L.], v. 174, p. 427-433, fev. 2015.

BATTESTIN, V.; SANTOS, Pollyanna. S. ADDIEM – Um Processo para Criação de Cursos MOOC. EaD em Foco, v. 12, n. 1, e1648, 2022. https://doi.org/10.18264/eadf.v12i1.1648.

BATTESTIN et al. Cursos MOOC do Ifes: Ampliação da formação no contexto educacional em tempos de pandemia. In: Anais do XVIII Congresso Brasileiro de Ensino Superior a Distância (ESUD) e do VII Congresso Internacional de Educação Superior a Distância (CIESUD). Natal, 2021.

BOZKURT, A.; KESKIN, N. O.; WAARD, I. de. Research Trends in Massive Open Online Course (MOOC) Theses and Dissertations: surfing the tsunami wave. Open Praxis, [S.L.], v. 8, n. 3, p. 203-221, 22 ago. 2016.

CARVALHO, A. M. P. et al. Ensino de Ciências por Investigação: Condições para implementação em sala de aula. São Paulo: Editora Cengage, 2013.

CASTELO, M. et al. Introduction to reproduction: Online education for the millennial learner. Biology of Reproduction, v.95, n.1, p.1-3, 2016.

DICK, W.; CAREY, L. The Systematic Design of Instruction. Allyn & Bacon; 6 edition Allyn & Bacon, 2004.

GORDON, D; WILTROUT, M. E. A Case Study in Applying the Learning Sciences to MOOC Design. 2019.

KOLLER, D; NG, A.; CHEN, Z. Retention and intention in Massive Open Online Courses. Educause Review, v. 48, n. 3, 2013.

MATTAR, J. Aprendizagens em ambientes virtuais: teorias, conectivismo e MOOCs. Revista Digital Tec- cogs, São Paulo, v.18, n.7. p. 20-40, jan-jun. 2013. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/teccogs/ article/view/52846/0. Acesso em: 10 jun. 2020.

MORRISON, G. R. Designing Effective Instruction, 6th Edition. New York: John Wiley & Sons, 2010.

NICKELS, S. et al. PresentaBALL—A powerful package for presentations and lessons in structural biology. In: 2013 IEEE Symposium on Biological Data Visualization (BioVis). IEEE, p. 33-40, 2013.

PARULLA, C. D. et al. Avaliação de estudantes de Enfermagem e enfermeiros de um curso online, aberto e massivo (MOOC). Research, Society And Development, [S.L.], v. 9, n. 9, 2020. http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i9.7338.

PASSOS, M.; BATTESTIN, V. Innovative Management in Distance Education—The Importance of Monitoring Meetings in a Postgraduate Course in the Multidisciplinary Team Perspective. US-China Education Review A, v. 6, p 63-69, 2016.

PHAN, T; MCNEIL, S. G.; ROBIN, B. R. Students’ patterns of engagement and course performance in a Massive Open Online Course. Computers & Education, v. 95, p. 36-44, 2016.

PEREIRA, D. da F.; SOUZA, M. A. V. F. de. Cursos Online Abertos e Massivos (MOOC) e o Ensino de Ciências: uma revisão bibliográfica. Ead em Foco, [S.L.], v. 10, n. 2, p. 1-15, 2020.

RAFFAGHELLI, J. et al. Integrating MOOCs in physics preliminary undergraduate education: beyond large size lectures. Educational Media International, v. 55, n. 4, p. 301-316, 2018.

SIEMENS, G. Conectivismo: uma teoria de aprendizagem para a idade digital. Trad. Bruno Leite, 2004.

SANCHEZ-GORDON, S.; CALLE-JIMENEZ, T. Relevance of MOOCs for training of public sector employees. 2015 International Conference On Information Technology Based Higher Education And Training (Ithet), p. 1-5, Portugal, 2015. IEEE. http://dx.doi.org/10.1109/ithet.2015.7218016.

SCHWARTZMAN, S. Pesquisa acadêmica, pesquisa básica e pesquisa aplicada em duas comunidades cientificas. 1979. Disponível em: http://www.schwartzman.org.br/simon/acad_ap.htm. Acesso em 28 abr 20.

Publicado

2022-08-24

Como Citar

Dias, D. M. ., & Battestin, V. (2022). Curso Online Aberto e Massivo (MOOC) de Combate a Princípios de Incêndio: uma Entrega do Corpo de Bombeiros Militar do ES para a Sociedade . EaD Em Foco, 12(2). https://doi.org/10.18264/eadf.v12i2.1865

Edição

Seção

Artigos Originais