Aprendizagem Humanizada por meio do Ensino Híbrido

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18264/eadf.v10i2.1110

Resumo

 As novas demandas para a continuidade da promoção de um ensino
virtual de qualidade conduz os profissionais de educação a pesquisa e horas de
planejamento. Como uma das soluções possíveis para este fato, o Ensino Híbrido
ou Blended-Learning busca unir os conhecimentos tradicionais em favor de
potencializar as capacidades de aprendizagem dos estudantes com o uso das
tecnologias presentes na web, com o uso de atividades ou lições que podem
começar em um ambiente presencial, sendo posteriormente aprofundada com o
estudo virtual dos aprendentes. Para conquistar o êxito neste modelo de ensino, é
necessário conhecer as possibilidades deste ambiente, promover conteúdos que
sejam interessantes e engajadores para os participantes, e acima de tudo, colocar
os estudantes como peça central no caminho para seu desenvolvimento em meio
aos conteúdos propostos. Este artigo trata-se de uma pesquisa derivada de uma
revisão sistemática com objetivo de descrever formas de promove um ensino
humanizado por meio do blended-learning Para isso, foi feita uma análise baseada
em 20 artigos internacionais, com publicações de 5 países diferentes, com o
objetivo de descrever as principais dificuldades e propostas encontradas em
estudos externos com o foco na implementação de pesquisas para promoção do blearning no ensino de Ciências da Natureza e Matemática no Ensino Médio.

Palavras-chave: Ensino híbrido. Educação secundária. Educação a distância.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Robert da Silva Soares Junior, Universidade Federal do Tocantins

Mestre em Ensino de Ciências e Saúde pela Universidade Federal do Tocantins. Graduado em Biomedicina e estudante de Licenciatura em Biologia.

José Lauro Martins, Universidade Federal do Tocantins

Doutor em Ciência da Educação pela Universidade do Minho (Braga/Portugal). Professor da Universidade Federal do Tocantins (Palmas/Brasil).

Referências

ABRANCHES, S. P. O Que Fazer Quando Eu Recebo Um Trabalho Crtl C + Ctrl V ? Autoria , Pirataria E Plágio Na Era Digital : Desafios. 2a Simposío Hipertexto e Tecnologias na Educação: Multimodalidade e Ensino, v. 1, 2008.

AFONSO, A. P. Comunidades de Aprendizagem: Um modelo para a gestão da aprendizagem. II Conferência Internacional Challenges’2001 - Desafios’2001, February, p. 6, 2001.

ALADEJANA, F. Blended Learning and Technology-assisted Teaching of Biology in Nigerian Secondary Schools. AIP Conference Proceedings. Anais. AIP, 2009. Disponível em: <http://aip.scitation.org/doi/abs/10.1063/1.3146184>

BARROS, A. P. R. M.; SIMMT, E.; MALTEMPI, M. V. Understanding a Brazilian High School Blended Learning Environment from the Perspective of Complex Systems. Journal of Online Learning Research, v. 3, n. 1, p. 73–101, 2017.

BOITSHWARELO, B. Exploring Blended Learning for Science Teacher Professional Development in an African Context. The International Review of Research in Open and Distributed Learning, v. 10, n. 4, 23 set. 2009.

CAMARGO CORTELAZZO, I. B. DE. Tutoria E Autoria: Novas Funções Provocando Novos Desafios Na Educação a Distância. EccoS Revista Científica, v. 10, p. 307–325, 2008.

CAPONE, R.; DE CATERINA, P.; MAZZA, G. A. G. BLENDED LEARNING, FLIPPED CLASSROOM AND VIRTUAL ENVIRONMENT: CHALLENGES AND OPPORTUNITIES FOR THE 21ST CENTURY STUDENTS. EDULEARN17 Proceedings. Anais...mar. 2017. Disponível em: <http://library.iated.org/view/CAPONE2017BLE>

CHANDRA, V.; FISHER, D. L. Students’ perceptions of a blended web-based learning environment. Learning Environments Research, v. 12, n. 1, p. 31–44, 10 abr. 2009.

CHANDRA, V.; WATTERS, J. J. Re-thinking physics teaching with web-based learning. Computers & Education, v. 58, n. 1, p. 631–640, jan. 2012.

CLARK, D. Psychological myths in e-learning. Medical Teacher, v. 24, n. 6, p. 598–604, 2002.

DIPIETRO, M. et al. Best practices in teaching K-12 online: Lessons learned from Michigan Virtual School teachers. Journal of Interactive Online Learning, v. 9, n. 3, p. 10–35, 2010.

ECHALAR, A. D. L. F.; PEIXOTO, J. Programa Um Computador por Aluno: O acesso às tecnologias digitais como estratégia para a redução das desigualdades sociais. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 25, n. 95, p. 393–413, 2017.

GARRISON, D. R.; KANUKA, H. Blended learning: Uncovering its transformative potential in higher education. The Internet and Higher Education, v. 7, n. 2, p. 95–105, abr. 2004.

KALLOO, V.; MOHAN, P. An Investigation Into Mobile Learning for High School Mathematics. International Journal of Mobile and Blended Learning, v. 3, n. 3, p. 59–76, 2011.

KILIÇ, D. The effect of the jigsaw technique on learning the concepts of the principles and methods of teaching. World Applied Sciences Journal, v. 4, n. January, p. 109–114, 2008.

LAI, C. L.; HWANG, G. J. High school teachers’ perspectives on applying different mobile learning strategies to science courses: the national mobile learning program in Taiwan. International Journal of Mobile Learning and Organization, v. 9, n. 2, p. 124, 2015.

LAZAROWITZ, R.; HERTZ-LAZAROWITZ, R.; RON, S. Designing cooperative learning in the science classroom: integrating the peer tutoring small investigation group (PTSIG) within the model of the six mirrors of the classroom model. Education Policy, Reforms and School Leadership, p. 247–253, 2002.

MCNEILL, K. L.; PIMENTEL, D. S.; STRAUSS, E. G. The Impact of High School Science Teachers’ Beliefs, Curricular Enactments and Experience on Student Learning During an Inquiry-based Urban Ecology Curriculum. International Journal of Science Education, v. 35, n. 15, p. 2608–2644, out. 2013.

Mello, D. E., & Barros, D. M. V. (2014). Didática do online. p. 1–16, 2014. Disponível em: <http://repositorioaberto.uab.pt/handle/10400.2/6709> Acesso em: 14 de mar. de 2020.

OLIVEIRA, E. D. S. . et al. Estratégias De Uso Do Whatsapp Como Um Ambiente Virtual De. Simposísio Internacional de Educação a Distância, 2014.

RIBEIRO, F. B. V.; TODESCAT, M.; JACOBSEN, A. DE L. Avaliação De Ambientes Virtuais De Aprendizagem: Uma Reflexão Sobre O Modelo Interacionista E Construtivista. Revista Novas Tecnologias na Educação (RENOTE), v. 13, n. 2, p. 1–10, 2015.

SERAPHIN, K. D. et al. Teaching Energy Science as Inquiry: Reflections on Professional Development as a Tool to Build Inquiry Teaching Skills for Middle and High School Teachers. Journal of Science Education and Technology, v. 22, n. 3, p. 235–251, 26 jun. 2013.

SHARAN, Y.; SHARAN, S. Group Investigation Expands Cooperative Learning. Educational leadership, v. 47, n. 4, p. 17–21, 1990.

SIKO, J. P. Testing the Waters: An Analysis of the Student and Parent Experience in a Secondary School’s First Blended Course Offering. International Journal of E-Learning & Distance Education, v. 29, n. 2, p. 1–19, 2014.

Publicado

2020-11-25

Como Citar

Soares Junior, R. da S. ., & Martins, J. L. (2020). Aprendizagem Humanizada por meio do Ensino Híbrido . EaD Em Foco, 10(2). https://doi.org/10.18264/eadf.v10i2.1110

Edição

Seção

Revisões

Most read articles by the same author(s)