Um Ambiente Virtual onde a Educação a Distância Encontra-se com a Educação Matemática Inclusiva

Carlos Eduardo Rocha dos Santos, Solange Hassan Ahmad Ali Fernandes

Resumo


O presente artigo visa apresentar a trajetória de uma pesquisa de doutoramento, ainda em desenvolvimento, que tem como objetivo principal apresentar um ambiente virtual de aprendizagem (AVA) que seja acessível e que possa atender principalmente pessoas com necessidades especiais no campo sensorial da visão e da audição. Pesquisas apontam que os AVA disponíveis em sua grande maioria não são acessíveis, problema que se estende ao material didático disponível nos cursos a distância. Diante dessa preocupação, estamos trabalhando com a perspectiva de que, ao final de nossa trajetória, consigamos apresentar um ambiente acessível, de forma a tornar igualitárias as chances de acesso ao ensino, principalmente, superior. Para alcançar nossos objetivos estamos nos valendo do uso da pesquisa-ação como metodologia de ensino, pois queríamos, a partir das vozes dos participantes, colher informações para realizar o design de nosso AVA. Essas informações foram obtidas através de um questionário on-line que foi respondido por pessoas com limitações sensoriais visuais e auditivas. Essas pessoas tiveram a oportunidade de explorar um AVA utilizado em pesquisa anterior, que apresentava preocupação semelhante e, ao final, foram convidadas a responder a um questionário, onde puderam nos dar sugestões de melhorias. A partir dessas informações, realizamos o redesign do AVA, que ainda será testado com a oferta de um curso piloto. Queremos, ao final, apresentar uma alternativa ao ensino presencial que possa atender a todos, mostrando quais as características que o AVA, a tutoria e o material didático devem possuir para garantir um ensino de qualidade.

Palavras-chave: Inclusão; Necessidades especiais; Educação a distância; Ambiente virtual de aprendizagem; Tecnologia. 



A virtual Environment where the Distance Education Meets Inclusive Education in Mathematics

Abstract This article presents the trajectory of a doctoral research project, still under development, which aims to present a virtual learning environment (VLE) that is accessible and can mainly serve persons with special needs in the sensory field of vision and hearing. Surveys show that VLE available mostly are not accessible--a problem that extends to the teaching material available in distance learning courses. Given this concern, we are working with the prospect that at the end of our journey we will succeed in presenting an accessible environment, in order to make equal chances of access to education--especially higher. To achieve our goals it is costing us the use of action research as a teaching methodology because we wanted to collect information from the participants to perform the design of our VLE. This information was collected through an online questionnaire that was answered by people with visual and auditory sensory limitations. These people had the opportunity to explore a VLE used in previous research, which showed similar concern, and at the end were asked to answer a questionnaire, which could give us suggestions for improvements. From this information we conducted the redesign of the VLE, which will still be tested with the offer of a pilot course. In the end we want to present an alternative to classroom learning that can suit everyone, showing what features the VLE, mentoring, and courseware must possess to ensure a quality education for all.

Keywords: Inclusion; Special needs; Distance education; Virtual learning environment; Technology.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18264/eadf.v5i1.304



Direitos autorais 2018 Revista EaD em FOCO

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

UNIVERSIDADES CONSORCIADAS