Um Modelo de Gamificação para Redes Sociais Educacionais

Palavras-chave: Gamificação, Jogos digitais, Redes sociais educacionais

Resumo

O uso de redes sociais associados a estratégias de gamificação podem auxiliar no processo de aprendizagem. Este estudo parte da hipótese de que uma rede social educacional gamificada potencializa o engajamento e a motivação dos sujeitos em práticas pedagógicas que envolvem a rede. Este artigo propõe um modelo de gamificação aplicada a redes sociais educacionais, com o intuito de potencializar a motivação e o engajamento dos alunos em práticas pedagógicas envolvendo os recursos da rede. O estudo faz uso do método Design Science Research (DSR), para construção do artefato proposto. A pesquisa tem caráter qualitativo, em que foram avaliadas as técnicas de gamificação propostas pelo modelo (artefato), tendo como estudo de caso sua aplicação na Rede Social Educacional Teia. Com base em dois experimentos realizados junto a um curso de graduação e a alunos de ensino médio participantes de um projeto junto a universidade, os resultados da análise da pesquisa evidenciaram que a rede Teia gamificada favoreceu a motivação e o engajamento dos alunos, melhorando a experiência destes durante as atividades realizadas.

Referências

CHOU, Y. Actionable Gamification - Beyond Points, Badges, and Leaderboards. Leanpub book, 2016.

CSIKSZENTMIHALYI, M. Flow, the secret to happiness. 2004. Disponível em: <http://www.ted.com/talks/mihaly_csikszentmihalyi_on_flow>. Acesso em: 16 out 2019.

CSIKSZENTMIHALYI, M. Flow: the psychology of optimal experience. 1st ed. HarperCollins e-books, New York, 2008.

HÄGGLUND, P. Taking gamification to the next level: A detailed overview of the past, the present and a possible future of gamification. 2012. Disponível em:

< http://www8.cs.umu.se/education/examina/Rapporter/PerMafrost.pdf >. Acesso em: 15 nov 2019.

MCGONIGAL, J. A realidade em jogo – Por que os games nos tornam melhores e como eles podem mudar o mundo. Rio de Janeiro: Best Sellers, 2012.

PRENSKY, M. Aprendizagem baseada em jogos digitais. Editora Senac – São Paulo, 2012.

RECUERO, R. A Conversação em Rede – comunicação mediada pelo computador e redes sociais na internet. Porto Alegre: Sulina, 2012.

RYAN, R. M.; DECI, E. L. Intrinsic and Extrinsic Motivations: Classic Definitions and New Directions. Contemporary Educational Psychology 25, p. 54–67, 2000.

SANTAELLA, L. Comunicação ubíqua: repercussões na cultura e na educação. 1ª ed. São Paulo: Paulus, 2013.

VAN AKEN, J. E. Management Research Based on the Paradigm of the Design Sciences: The Quest for Field-Tested and Grounded Technological Rules. Journal of Management Studies, v.41, n.2, p.219-246, 2004.

WINTER, N. J.; SANTOS, G. N.; STRACK, T. L.; MOSSMANN, J. B.; BARBOSA, D. N. F.; BEZ, M. Incentivo ao Estudo Através dos Jogos: experiências no desenvolvimento de uma rede social “gamificada”. Revista Hipertexto. V4, n. 3, 2014.

ZICHERMANN, G.; CUNNINGHAM, C. Gamification by Design: Implementing Game Mechanics in Web and Mobile Apps. Sebastopol, CA: O’Reilly Media, Inc. 2011.

Publicado
2020-03-04
Como Citar
Arnold, R., Ricardo dos Santos, P., & Nice Ferrari Barbosa, D. (2020). Um Modelo de Gamificação para Redes Sociais Educacionais. EaD Em Foco, 10(1), 12. https://doi.org/10.18264/eadf.v10i1.947
Seção
Artigos Originais