EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: UMA PRÁTICA DA LIBERDADE?

Autores

  • Aurivar Fernandes Filho Uniasselvi

DOI:

https://doi.org/10.18264/eadf.v4i2.161

Resumo

O presente artigo realizou uma correlação ao aproximar as ideias do autor Paulo Freire com a Educação a Distância, utilizando basicamente o livro A Educação como prática da liberdade, do referido autor, e outros autores que debatem e discutem a EaD. O método escolhido foi o método qualitativo, por meio de pesquisa bibliográfica, elencando pontos em comum e discutindo como a EaD pode ser apontada como uma prática para a liberdade.

Palavras-chave: Educação a Distância. Paulo Freire. Liberdade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aurivar Fernandes Filho, Uniasselvi

Graduado em Psicologia pela Universidade do Vale do Itajaí - Biguaçu - SC e Especialista em Educação a Distância: Gestão e Tutoria, pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci - SC.

Atualmente, atuo como monitor no Senac EaD/SC e tutor presencial no Curso de Gênero e Diversidade na Escola, pelo Instituto de Estudos de Gênero, da Universidade Federal de Santa Catarina.

Publicado

2014-07-21

Como Citar

Filho, A. F. (2014). EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: UMA PRÁTICA DA LIBERDADE?. EaD Em Foco, 4(2). https://doi.org/10.18264/eadf.v4i2.161

Edição

Seção

Artigos Originais

Most read articles by the same author(s)