A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NAS ORGANIZAÇÕES: A PERCEPÇÃO SOBRE O E-LEARNING EM UMA GRANDE EMPRESA NACIONAL

André Ferreira, Juliana Nogarect da Silva Valério, Gustavo Costa Souza

Resumo


Este artigo busca verificar a percepção dos funcionários de um grande banco nacional sobre a eficácia do e-learning como ferramenta de aprendizagem, abordando aspectos relacionados à utilização dos recursos de informática, autodisciplina, instrutor em tempo integral, nível de aprendizado dos cursos e-learning, interatividade e qualidade gráfica, vantagem de determinar o horário de estudo, relação entre os cursos e-learning e as competências essenciais da empresa, aplicabilidade dos temas e a percepção dos correspondentes se o e-learning é uma tendência ou moda passageira. Os resultados indicam que, de forma geral, a aceitação da metodologia e-learning é bastante positiva por parte dos funcionários desta organização financeira e apontam para a necessidade de novos estudos que analisem a diferença do nível de aprendizagem entre cursos e-learning e cursos presenciais, formas de compensar a ausência de contato permanente entre instrutor e aluno no decorrer do curso e fatores que determinam a disciplina dos participantes para realização das atividades de e-learning.

Palavras-chave


Educação a Distância. Treinamento. e-learning. Universidade corporativa.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18264/eadf.v1i1.6



Direitos autorais 2018 Revista EaD em FOCO

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

UNIVERSIDADES CONSORCIADAS