[1]
R. de M. Espíndola e F. K. D. de Lacerda, “EVASÃO NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: UM ESTUDO DE CASO”, EaD en Foco, vol. 3, nº 1, jun. 2013.